Câmara de Macaé amplia transparência na divulgação das atas oficiais



Atas digitadas já podem ser consultadas pessoalmente

A Câmara Municipal de Macaé anunciou o aprimoramento em uma das suas ferramentas de transparência e acesso às informações, com o lançamento dos livros das atas oficiais do Legislativo para a consulta presencial, em formato digital, a partir de janeiro de 2015. Os sete livros com as atas foram colocados à disposição dos interessados a partir desta quinta-feira (14).

 

As atas digitadas das sessões ordinárias, extraordinárias e solenes, audiências públicas, tribunas cidadãs e edições da Câmara Itinerante, já estavam disponíveis desde janeiro de 2015 no site da Casa. “O trabalho de digitação começou a partir das atas de 2015, mas as manuscritas, já estavam acessíveis antes”, explica a oficial de atas do setor de Taquigrafia, Maria Ângela Antunes Magalhães Viana. Todos os textos passam pelo setor de Revisão e Redação da Casa.

 

Segundo a taquígrafa Eliane Vieira Moreira Daher, a importância das atas é que elas registram parte da história da cidade. “Durante o regime militar, por exemplo, os vereadores cassados recorreram às atas das cassações para serem reempossados”, comentou. O setor conta com quatro taquígrafas e uma oficial de ata que fazem o trabalho de registrar tudo o que é falado nas sessões.

 

“As atas digitadas e impressas, disponibilizadas à população, são mais um avanço da Câmara no esforço de aumentar a transparência sobre suas atividades. E o mérito é todo de nossas servidoras do setor de Taquigrafia, que realizaram muito bem esse trabalho”, disse o presidente da Casa, Eduardo Cardoso (PPS).

 

Os cidadãos que quiserem consultar as atas impressas podem se dirigir ao setor de Arquivo na sede da Câmara, na Rodovia do Petróleo, RJ 168, Km 3,5, bairro Virgem Santa. As atas também estão disponíveis no site da Casa, no link: http://www.cmmacae.rj.gov.br/portal/ata.html.

Jornalista: Marcello Riella Benites

Deixe uma resposta