Câmara defende desembarque em frente a unidade de saúde



Lei municipal assegura a parada

Um requerimento do vereador Welberth Rezende (PPS), aprovado pela Câmara Municipal de Macaé, nesta quarta-feira (1), tem o objetivo de fazer valer a legislação que garante o estacionamento de curta duração em frente a unidades de saúde. “Essa proposição surgiu da grande dificuldade que um servidor desta Casa teve ao tentar parar em frente a um hospital particular com sua esposa prestes a dar à luz”, disse ele.

 

A proposição, que solicita a reserva de duas vagas em frente ao estabelecimento, localizado no Centro do município, reforça a lei do Executivo que garante estacionamento para desembarque em unidades escolares e de saúde. “São asseguradas essas vagas rotativas, além das destinadas aos idosos e às pessoas com deficiências, principalmente em estabelecimentos onde o tráfego de veículos é intenso”, comentou Maxwell Vaz (SD), autor de emendas feitas ao projeto original.

 

Segundo ele, é necessário “um esforço” da Secretaria de Mobilidade Urbana no sentido de colocar as placas sinalizando as vagas.  “Acho importante a colocação dessas placas, mas tenho a informação de que, atualmente, a secretaria está priorizando a sinalização para novos pontos de táxis e rampas de acessibilidade”, disse Paulo Antunes (PMDB).

 

 

Jornalista: Marcello Riella Benites

Deixe uma resposta