Câmara pede a despoluição das praias de Macaé

Foto:Ivana Gravina

Dados do Enea apontam que quatro praias da cidade estão impróprias para banho.

O Requerimento nº 552/2018 solicita ao Executivo explicações sobre as medidas que estão sendo tomadas para a despoluição das praias consideradas impróprias para banho na cidade. De autoria do vereador Maxwell Vaz (SD), o documento foi aprovado nesta terça-feira (9), na Câmara Municipal de Macaé.

Segundo Maxwell, o Instituto Estadual do Ambiente (INEA) divulgou um boletim de balneabilidade informando que as praias de Imbetiba, Forte, Barreto e Lagomar estão impróprias para banho. “Sabemos que a principal causa dessa poluição é o despejo irregular de esgoto. No entanto, desde 2016, foram cortados pela prefeitura os investimentos na PPP (Parceria Público-Privada) do Esgoto”.

Para o parlamentar do Solidariedade, é preciso acabar com o descarte irregular de esgoto que deixa as praias cada vez mais poluídas. Na sua opinião, seria uma boa forma de promover a saúde pública e também o desenvolvimento econômico.

“Acredito no poder do turismo para gerar emprego, sobretudo entre os jovens que sofrem com a falta de oportunidades. Fomentá-lo [o turismo] seria uma alternativa para este momento em que a administração municipal corta também a bolsa-estágio dos estudantes que buscam se qualificar e conseguir o primeiro emprego”, disse o vereador.

Jornalista: Adriana Corrêa

Deixe uma resposta