Câmara pretende modernizar gestão



A administração da Câmara de Macaé será objeto de pesqui

A administração da Câmara de Macaé será objeto de pesquisa do instituto de gestão financeira, Sistema de Informação de Municípios – Sim, que após a elaboração de um diagnóstico, apresentará ao órgão uma proposta de gestão. Esse trabalho tem como objetivo otimizar os métodos administrativos, por meio de integração de setores e de interação de pessoal e com os cidadãos e Executivo. A informatização e a qualificação profissional serão algumas das ferramentas de gestão propostas. Além disso, o vice-presidente Administrativo e Financeiro do instituto, Sinval Drumond de Andrade, informou que o grupo atende à administração pública também com propostas de métodos de trabalho de orçamento municipal participativo e que estas estariam à disposição do legislativo de Macaé, caso fosse de interesse da casa.

O primeiro-secretário, Maxwell Vaz (PT), recebeu os membros do instituto na última quinta-feira, dia 19, no plenário, onde foram apresentadas as propostas gerais da empresa. A Sim, que conta com 230 profissionais especializados em diversas áreas e 18 anos de experiência no mercado, sugeriu atuação em: tecnologia de sistemas; capacitação progressiva; otimização de processos e fluxo; controle; pesquisa, e suporte de orientação e acompanhamento. A empresa, com sede em Belo Horizonte-MG, que tem como foco o enquadramento dos órgãos públicos à Lei de Responsabilidade Fiscal, no estado do Rio de Janeiro, já atua nas Câmaras de São Pedro da Aldeia e de Carapebus. Além disso, contribui também com Prefeitura de Conceição de Macabu, há 10 anos com a de Búzios e há 3 anos, com a Fundação Educacional de Macaé-Funemac.

Sinval elogiou o relatório descritivo da atual gestão da Câmara, elaborado por Vaz, quando explanava para os procuradores do legislativo e funcionários da secretaria. “Agradeço a postura ética e autêntica do vereador”, disse. Maxwell Vaz, que considera esse tipo de metodologia importante para a modernização do legislativo, que é uma das propostas da mesa diretora, avaliou que as sugestões apresentadas atendem à expectativa da administração. Também estiveram presentes: o gerente jurídico, Abrahão Elias Neto, o gerente regional do Rio de Janeiro, David Mattos, o gerente de gestão fiscal, Sérgio Cardoso, o gerente comercial e de mercado, ensino e comunicação, João Bosco, o assessor técnico, Luiz Antônio da Silva e o consultor Jorge Augusto, da Funemac e Prefeitura de Carapebus.

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support