Cidade Universitária é elogiada pela Câmara



O Legislativo Municipal, representado pelo primeiro-secretário, Maxwell Vaz (PT), p

O Legislativo Municipal, representado pelo primeiro-secretário, Maxwell Vaz (PT), parabenizou o Prefeito Riverton Mussi (*PMDB) pela inauguração da primeira fase do projeto Cidade Universitária, na Linha Verde, que aconteceu na tarde de ontem, com a presença do governador Sergio Cabral (PMDB) e do presidente da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro-Alerj, Jorge Picciani (PMDB). Os vereadores George Jardim (*PMDB), Jorge de Jesus (PRN), Luiz Fernando Pessanha (sem partido), Paulo Antunes (*PMDB) e as vereadoras Maria Helena Salles (PSDB) e Marilena Garcia (PT) estiveram presentes no evento.

Maxwell Vaz, durante seu discurso, agradeceu o empenho do prefeito e do secretário especial de Desenvolvimento Local e ex-presidente da Fundação Educacional de Macaé-Funemac, Jorge Aziz, pela concretização do projeto. Ele enfatizou que a Câmara Municipal tem acompanhado e dado atenção às matérias do Executivo estabelecidas por políticas públicas que visem atender à sociedade. “É importante Câmara e Prefeitura estarem unidas para o desenvolvimento do município. Da mesma forma, é importante a união das políticas de Lula, Sergio Cabral e Riverton”, salientou.

Maria Helena Salles, que foi secretária de Educação durante a gestão anterior, elogiou o prefeito por ter dado continuidade ao projeto que foi criado durante sua administração. “Me sinto contente porque do pequeno alicerce que ajudei a construir foi criada esta obra de grande beleza”, disse a vereadora que informou que a doação do terreno para a construção e a planta do projeto foram elaborados quando era secretária de Educação. Ela ressaltou que sempre apoiará projetos políticos que possibilitem o conhecimento, a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico.

“Um marco para a cidade”. Assim definiu, Marilena Garcia, como vereadora e educadora, a inauguração da cidade universitária. “Saímos de um período em que as políticas públicas eram improvisadas, para um momento em que há planejamento político. O governo municipal nos apresenta uma proposta. Além disso, estamos em um tempo promissor, quando o Governo Riverton se abre para uma frente politicamente ampla”, analisou. Ela avalia que a Educação no município precisa cumprir duas etapas: a primeira é que ao menos 50% das escolas da rede pública municipal de ensino fundamental funcione em período integral, até o final deste mandato, e, a segunda, é a ampliação do número de cursos profissionalizantes e técnicos.

Durante o evento, o governador assinou o convênio para a Delegacia Legal, doou o prédio do antigo fórum para a construção de um hospital pediátrico e cedeu a área do bairro Nova Esperança. Sergio Cabral também se comprometeu com a melhoria das condições técnicas de funcionamento do Instituto Medico Legal-IML e firmou parceria com o município para as obras de recuperação do trecho da RJ-162, que liga o distrito de Glicério, na Região Serrana, até a BR-101. Ele considerou justa a manifestação do diretório acadêmico de administração, ciências contábeis e direito da UFF, ocorrida durante o evento, que defendia a não extinção desses cursos. Jorge Aziz, em seu discurso, esclareceu que o Município tem buscado, junto ao Ministério da Educação, soluções para a questão. O reitor da UFF, Roberto de Souza, confirmou o compromisso de interiorização da universidade com a utilização de verba federal.

Também estiveram presentes: o pró-reitor da UFRJ, Carlos Antônio Levi; o vice-prefeito, Carlos Augusto de Paula; a primeira-dama, Márcia Moraes; o prefeito de Carapebus, Rubem Vicente; os deputados estaduais Fernando Lopes (PMDB) e Glauco Lopes (PSDB); os secretários de Estado Wilson Carlos, Christino Áureo e Alcebíades Sabino; secretários municipais; autoridades militares e civis; representantes da Petrobras e de diversos órgãos públicos estaduais e municipais.

*filiação não formalizada.

Deixe uma resposta