Comissão de Saúde divulgará relatório sobre o caso das UPAs em Macaé

 <span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">A entrega do relatório</span><span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">&nbsp;está prevista para a&nbsp;</span><span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">próxima quarta-feira (21),</span><span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">&nbsp;às 15h,&nbsp;</span><span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">quando os vereadores deliberarão sobre o caso.</span>

Diante da recusa da Prefeitura de Macaé em discutir com a responsável pela administração das UPAs (da Barra e do Lagomar), a OS Espaço Produzir, uma solução para o pagamento dos cerca de 400 funcionários que estão sem receber salário, a Comissão Permanente de Saúde da Câmara resolveu encerrar a sua intervenção no caso.
 

Um relatório está sendo produzido com o resultado das apurações realizadas pelo Legislativo. Na próxima quarta-feira (21), ele será entregue aos demais membros da comissão para que decidam sobre a atitude a ser tomada diante da situação. A reunião está prevista para 15h, na nova sede da Câmara Municipal de Macaé.
 

Apesar de ter confirmado presença para a reunião com os representantes da OS e vereadores que integram a Comissão de Saúde, o procurador geral do município, Augusto Salgado, não compareceu à Câmara, na tarde da última quinta-feira (15). Ele informou, por telefone, que o prefeito Aluízio Santos Júnior (PMDB) decidiu findar o diálogo com a Espaço Produzir e fazer o pagamento dos funcionários das UPAs por meio de ordem judicial. A informação foi dada pelo presidente da comissão, o vereador Welberth Rezende (PPS), e divulgada no site da prefeitura por meio de nota oficial.
 

Para o membro titular da Comissão de Saúde, o vereador Igor Sardinha (PRB), não houve boa vontade do Executivo para resolver a situação, uma vez que o prefeito, segundo ele, fugiu do diálogo e faltou com a verdade em suas declarações. “Primeiro, o Executivo diz que não havia nenhuma dívida com a OS – vide notícia publicada no site da Prefeitura de Macaé. Após ter sido comprovada a dívida contratual, o prefeito a admitiu e disse que estava disposto a negociá-la. Por fim, desistiu de dialogar e optou por resolver a questão por via judicial.”
 

O relator da comissão, o vereador Amaro Luiz (PRB), lembrou que quem mais sofre com o impasse e o adiamento de uma solução é a sociedade. Segundo ele, mais de 400 pais e mães de família perderam seus empregos e não tiveram seus direitos trabalhistas respeitados. “Além disso, o atendimento nas UPAs foi prejudicado e se o pagamento da dívida não for feito até o dia 17, os cofres públicos serão onerados em mais R$ 2 milhões.”
 

Os parlamentares Maxwell Vaz (SD) e Chico Machado destacaram a atuação da comissão, na tentativa de tentar resolver o impasse. Para ambos, o problema da prefeitura não é propriamente orçamentário, mas, sobretudo de gestão. “Mesmo com a crise, o Executivo arrecadou R$ 20 milhões a mais no segundo quadrimestre de 2015, conforme vimos na apresentação das metas fiscais, realizada pelo controlador, na última quarta-feira (14).”
 

Chico também acredita que o problema seja a má gestão desses recursos. “E diante da inépcia em gerir o dinheiro público, o governo tem optado, recorrentemente, pelo calote aos seus fornecedores e prestadores de serviços”. De acordo com ele, foi o que aconteceu com a OS Espaço produzir, que se viu sem meios de pagar os funcionários que atuavam nas UPAs.
 

Jornalista: Adriana Corrêa
 

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support