Filiação: PMDB é um quarto da bancada na Câmara

Três vereadores, três secretários, além do prefeito Riverton Mus

Três vereadores, três secretários, além do prefeito Riverton Mussi, se filiaram na terça-feira, dia 4, ao PMDB. George Jardim, Paulo Antunes e João Sérgio são os três parlamentares que agora pertencem ao mesmo partido do chefe do Executivo.

George Jardim é um importante vereador da Casa, que ocupa a vice-presidência da mesa diretora, enquanto Paulo Antunes é o líder do governo na Câmara. João Sérgio de Lima, ex-PSDB, assumiu recentemente a suplência no lugar de Júlio César de Barros, que atualmente é o titular da pasta da Secretaria Executiva de Infância e Juventude.

A assinatura de filiação ao PMDB aconteceu em um palanque montado em frente à Câmara. O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, esteve presente e firmou votos de parceria com o município em diversos setores, com o objetivo de elevar a qualidade de vida do povo macaense.

João Sérgio, ao avaliar a bancada do PMDB na Câmara a partir de agora, disse: “Isso fortalece o partido. A bancada e a frente de alianças montada para a reeleição do prefeito, favorece também o trabalho do Legislativo”.

George Jardim declarou que Macaé é vai ganhar com as recentes adesões ao PMDB. “Porque política a gente faz com a união”, afirmou. E acrescentou: “O maior exemplo disto é o prefeito Riverton Mussi (PMDB). Portanto, nós vereadores do PMDB, vamos dar todo apoio ao governo municipal, estadual e federal”, declarou.

Paulo Ant unes discursou a favor da parceria entre o município e o governo do estado. “Macaé conseguiu fazer um filho virar presidente da República: Washington Luís. Agora, vamos fazer de Sérgio Cabral o presidente do Brasil”,bradou.

O presidente da Câmara, Eduardo Cardoso (PPS), declarou que a bancada continua equilibrada. “A distribuição das forças na Câmara continua mantida. Teoricamente, por enquanto, a frente de oposição na Câmara é dos vereadores do PSDB. Mas este é o quadro atual, não se sabe se ainda mudará”, avaliou.
Atualmente, a bancada é ocupada por 12 vereadores. Três deles do PMDB, três do PSDB, dois do PT – partido aliado do governo Riverton Mussi – dois do PRB, um do PMN e um do PPS.

O atual secretário executivo de Infância e Juventude e vereador licenciado, Júlio César de Barros, que estava sem partido, também assinou a ficha de filiação no PMDB. “Meu sonho sempre foi voltar para o PMDB. Hoje, Riverton marcou o dia de sua reeleição”, disse.

Deixe uma resposta