Legislativo, Executivo e Conselho divulgam nota

O projeto “Câmara em Ação”, com o apoio do executivo munic

O projeto “Câmara em Ação”, com o apoio do executivo municipal e de diversos setores da sociedade civil organizada, na segunda-feira, dia 05, irá ao Rio de Janeiro para uma audiência, às 9h30, com o secretário de estado de segurança pública, José Mariano Beltrâme. Membros do Conselho Comunitário de Segurança de Macaé, que irão apresentar um dossiê ao secretário, acompanharão os vereadores e representantes do poder público. Beltrame receberá do grupo um documento contendo reivindicações de melhorias na segurança pública do município. O Legislativo, o Executivo e conselho divulgaram hoje uma nota à população macaense.

Ontem à tarde, reunidos no gabinete do prefeito Riverton Mussi (sem partido), os vereadores presentes, Eduardo Cardoso (PPS), Maxwell Vaz (PT), Marilena Garcia (PT), Júlio César de Barros (sem partido) e Jorge de Jesus (PRB), listaram as necessidades do município que serão cobradas à Secretaria de Estado de Segurança Pública. Entre elas está a melhoria da estrutura de apoio operacional das polícias, como melhor conservação e aumento da frota de viaturas. O grupo pleiteará também o aumento do efetivo das polícias civil e militar.  “Não chega a 400 homens o efetivo da PM”, salientou o vereador Júlio César.

O governo municipal tem interesse em firmar convênios com a secretaria no intuito de celar parcerias para aquisição de viaturas e câmeras de segurança, assim como para desenvolver uma política pública habitacional voltada para as polícias, a fim de estimular um maior vínculo dos policiais com município. A prefeitura também disporá membros da Guarda Municipal para realizarem treinamento junto às polícias, com o objetivo de com elas colaborar. Melhoria da iluminação pública e a construção de seis portais de segurança nas áreas de fuga serão providências tomadas pela administração municipal. “Nossas ruas estão muito escuras, o que facilita ações criminosas”, observou Jorge de Jesus.

Estarão incluídos no requerimento à secretaria a agilização do processo de implantação da Delegacia Legal, cujo o prédio será construído pela Prefeitura; a instalação da Delegacia da Infância e da Adolescência e da Delegacia da Mulher, além da gravação do sistema de telefonia 190. Os vereadores também redigiram uma nota à população macaense nos seguintes temos:
Nota
SEGURANÇA PÚBLICA
A Prefeitura de Macaé e a Câmara de Vereadores vão exigir das autoridades estaduais e federais ações concretas que efetivamente contribuam para diminuir a violência que instaurou um clima de insegurança em toda a cidade de Macaé.
Nesta segunda-feira, o prefeito Riverton Mussi, o presidente da Câmara Municipal, Eduardo Cardoso, demais vereadores, representantes do Conselho Comunitário de Segurança e da sociedade civil organizada, se reúnem, no Rio de Janeiro, às 9h30min, com o Secretário de Estado de Segurança, José Mariano  Beltrame, para cobrar uma ação enérgica no combate à criminalidade em Macaé, uma das economias mais importantes do Estado e do País. Contamos com a mobilização da sociedade nesta luta que tem um único objetivo: a paz em nossa cidade.

Prefeitura de Macaé – Câmara de Vereadores – Conselho Comunitário de
Segurança

NOTA IMPORTANTE:
Os integrantes se encontrariam em frente ao prédio da câmara, de onde partiriam em microônibus às 6h. Contudo, como a maioria dos membros da comitiva preferiram ir em veículos particulares, os microônibus foram cancelados.

Deixe uma resposta