Legislativo pede melhorias para as escolas de Macaé



 <span style="font-size:14px;"><span style="font-family:arial,helvetica,sans-serif;">Vereadores debatem problemas estruturais de escolas da cidade e Região serrana</span></span>

 

Na sessão ordinária desta terça-feira (8), foram aprovados diversos requerimentos e indicações solicitando mais infraestrutura para os colégios macaenses. O debate teve início com um requerimento do vereador Maxwell Vaz (SD), que pediu o cronograma das obras da Escola Municipal Olga Benário.

 

O parlamentar informou que a unidade não oferece segurança, nem condições para o exercício da prática pedagógica, gerando cobranças de pais, alunos e educadores. “Faço um alerta ao governo, já que as reclamações são recorrentes e, pela legislação, o município deveria investir no mínimo 25% do seu orçamento, que é um dos maiores do país, em educação”, disse Maxwell.

 

Outro a contribuir para a discussão foi Igor Sardinha (PRB), que lembrou que a escola Olga Benário já foi alvo de inúmeras proposições, além de já ter recebido a visita de alguns vereadores. “Quando estivemos lá, havia um ‘gato’ sustentando a ligação de energia elétrica da escola, que enfrentava ainda sérios problemas no abastecimento de água.”

 

Para Igor, o problema não foi ocasionado pela crise econômica ou pela falta de recursos, mas por uma gestão ineficiente. “O resultado dessa má gestão é o funcionamento da escola, durante todo o ano, sem condições básicas para alunos e professores”, denunciou o parlamentar.

 

Já Marcel Silvano (PT) teve três indicações aprovadas, nas quais pediu reformas para as escolas estaduais municipalizadas Córrego do Ouro e Carolina Curvelo Benjamin – a primeira está localizada no distrito que tem o mesmo nome e, a segunda, no Trapiche. Ele também solicitou mais computadores para a sala de informática da Escola Municipal Maria Augusta de Aguiar Franco, na Bicuda Pequena – também na Região Serrana.

 

Por fim, Manoel Francisco Neto, o Manoel das Malvinas, reivindicou a implantação de um programa de educação básica em tempo integral para a escola Estadual Rachel Reid.

 

 

Jornalista: Adriana Corrêa

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support