Legislativo volta a cobrar reforma no Terminal Central

Foto:Tiago Ferreira

Val Barbeiro também solicita que os banheiros do terminal sejam reformados.

O Terminal Central voltou a ser tema de debate entre os vereadores da Câmara Municipal de Macaé. Na sessão desta quarta-feira (11), foi aprovado um requerimento para solicitar uma posição da prefeitura sobre a prometida reforma do local. A iniciativa partiu do vereador Valdemir da Silva Souza (PHS), o Val Barbeiro, e foi aprovada com apenas um voto contrário.

Para defender o requerimento, Val Barbeiro lembrou que a Comissão de Transportes elaborou um relatório com a real situação dos terminais de ônibus da cidade. “Precisamos saber quando as obras iniciarão. Muitos problemas foram constatados e há riscos para os passageiros”, alertou.

Val também incluiu no pedido um alerta sobre o abandono dos banheiros que são disponibilizados ao público. Em seguida, Luiz Fernando (PT do B) se posicionou e não poupou críticas ao governo.

“A Comissão de Transportes passou pelos terminais em março. Até agora, o prefeito não tomou qualquer iniciativa. Além da falta de segurança e de organização do comércio informal, o teto está em péssimas condições e pode desabar. Como o vereador Val disse, os banheiros estão em estado crítico, sem portas, sem luz. É gambiarra para todo lado”, acrescentou.

Quem preside a comissão é José Prestes (PPS). Ele elogiou a iniciativa de Val e, juntamente com Luciano Diniz (PMDB), pediu para ser anexado ao requerimento o relatório produzido pelos parlamentares.

Preocupação com o comércio informal

Único a votar contra, Júlio César de Barros (PMDB), o Julinho do Aeroporto, afirmou estar preocupado com os ambulantes que atuam dentro dos terminais. “É preciso achar uma solução que não prejudique as pessoas que lá tiram o sustento das suas famílias”, disse.

Após a fala de Julinho, o presidente Eduardo Cardoso (PPS) afirmou que o requerimento é destinado somente aos problemas físicos do local. “A intenção não é atrapalhar os trabalhadores e, sim, dar uma segurança adequada”, completou.

Na sequência, Val reforçou a fala de Eduardo. “O presidente está correto e o que cobramos é a reforma do Terminal Central”, concluiu.

Jornalista: Júnior Barbosa

Deixe uma resposta