Mactran anuncia ajustes no sistema



A apresentação de um vídeo sobre a vistoria ao Terminal Central do Si

A apresentação de um vídeo sobre a vistoria ao Terminal Central do Sistema Integrado de Transporte de Macaé-Sit, pelo Legislativo Municipal, na sessão ordinária de quarta-feira, dia 9, foi a mais recente ação parlamentar em busca de melhorias para o setor. Os vereadores têm sido insistentes em apontar as deficiências do sistema. Eles chegaram a convocar, em 24 de abril, o presidente da Macaé Trânsito e Transporte-Mactran, Lúcio Aracati, para discutirem soluções emergenciais. O órgão do Executivo anunciou, hoje, ajustes no sistema, que, para o presidente da Câmara, Eduardo Cardoso (PPS), mesmo que tenham partido de reavaliação da Mactran, decorrente de reclamações populares, certamente, foram influenciados pelo Legislativo.

“A Câmara tem cumprido o seu papel. A maioria dos vereadores tem sido atuante, especialmente em relação a esta questão. Não somente fazendo críticas, mas propondo sugestões”, disse Eduardo Cardoso, que deu destaque à convocação, pelo vereador Júlio César de Barros (sem partido) do presidente da Mactran e, ainda, à vistoria realizada por Maxwell Vaz (PT) e Luiz Fernando Pessanha (sem partido) ao Terminal Central e aos pontos de ônibus de alguns bairros. Ele enfatizou ainda o empenho de Jorge de Jesus (PRB), que na última quarta-feira inspecionou os pontos de ônibus do bairro Imburo e às críticas de Marilena Garcia (PT), Pedro Reis (PSDB) e Paulo Paes (PSDB), esse último especialmente em relação à Região Serrana.

Segundo a assessoria de imprensa de Prefeitura, a Mactran está realizando estudo que prevê alterações nos horários de algumas linhas de ônibus e até mudanças nos horários de entrada de alunos nas escolas no turno da manhã e da abertura do comércio. Essas modificações têm o objetivo de diminuir o volume de passageiros das 6h às 8:30h. O órgão informou ainda que, até o dia 10 de agosto, mais 25 ônibus da empresa Macaense irão reforçar a frota da cidade. Haverá também uma linha expressa, que sairá de dez em dez minutos do Terminal Lagomar a partir das 6h, parando apenas em alguns pontos. Durante a sessão de convocação, Aracati admitiu falhas no sistema, declarou que a abertura de nova licitação para contratação de mais uma empresa de transporte coletivo seria inviável no momento, em virtude de questões legais, e se comprometeu a realizar melhorias imediatas. O SIT tem o desafio de atender o aumento de cerca de cinco mil novos usuários por ano.

 

Deixe uma resposta