Maxwell Vaz analisa visita do comandante da PM à Câmara



O vereador, Maxwell Vaz (PT), é presidente da Comissão de Constituiç&

O vereador, Maxwell Vaz (PT), é presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Redação e Garantias Fundamentais – comissão esta que é permanente enquanto vigora o biênio 2007/2008 da Câmara. Compõem esta comissão os vereadores: Luiz Fernando Borba Pessanha – Sem partido (relator); João Sérgio de Lima – PMDB (titular) e Paulo Roberto Paes de Oliveira – PSDB (suplente). Diante dos números alarmantes da violência em Macaé (como, por exemplo, o número de homicídios em 2007 que já passam de 100) o vereador, enquanto primeiro secretário da Câmara, fez um convite informal – recentemente  – ao Comandante do 32º Batalhão de Polícia Militar (BPM), coronel Rosano Augusto de Souza, para dar explicações sobre a segurança no município.  Maxwell afirma que o comandante respondeu prontamente ao convite, o que demonstra o interesse da autoridade pela melhoria da segurança na cidade. “A presença do coronel transparece seu compromisso na realização de ações e programas de combate à criminalidade no município”, lembrou Maxwell.

Na ocasião, o comandante anunciou que a Polícia Militar (PM) de Macaé receberá 51 novos homens, a curto prazo, para reforçar o efetivo. Ele garante que mais viaturas também serão enviadas ao município; porém não pôde precisar o número, já que a negociação com o Comando Geral do Rio de Janeiro ainda está em andamento.

Analisando a visita do comandante, o primeiro-secretário declarou: “A vinda de Rosano trouxe mais confiança para as pessoas, porque a auto-estima da população está baixa em relação à segurança. Todos se sentem, hoje, ameaçados”.

Maxwell destacou que os cidadãos também têm a sua parte a cumprir para combater a onda de violência no município: “temos que fazer uma frente ampla. A população tem que reagir e pressionar quem tem atribuição de executar, além de passar informações para a Polícia”, alertou.

Quanto ao projeto “Disque-denúcia”, Maxwell afirma que a proposta de implantação se mantem. De acordo com o projeto (elaborado pelo vereador) o serviço seria gerenciado pelo Terceiro Setor, através de uma Ong do município. A manutenção mensal de toda a estrutura exigida pelo Disque-denúncia seria de R$15 mil por mês.

Novos convites

O próximo convidado para comparecer ao plenário é o delegado titular da 123ª Delegacia de Polícia Civil, Daniel Bandeira Gomes. Até o momento, a Câmara não obteve uma resposta. Portanto, Maxwell fará o convite pessoalmente.

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support