Mobilização impactante contra a violência



O foco da sessão ordinária de ontem foi a manchete do jornal O Globo “

O foco da sessão ordinária de ontem foi a manchete do jornal O Globo “Número de homicídios cresce mais no Interior”, que apontou Macaé como ocupante do quinto lugar, entre os mais de 5 mil municípios brasileiros, no índice de assassinatos de jovens de 15 a 24 anos.  Após a sessão, cinco vereadores tentaram uma audiência com o prefeito Riverton Mussi (sem partido), no Sesi. O grupo, que se desencontrou do prefeito, na oportunidade, apresentou suas intenções ao secretário de estado de Agricultura e Pesca, Chistino Áureo (PMDB).

O presidente da Câmara, Eduardo Cardoso (PPS), acompanhado pelos vereadores George Jardim (sem partido), Maxwell Vaz (PT), Marilena Garcia (PT) e Júlio César de Barros (sem partido) chegaram, às 21h, ao Sesi – onde havia acontecido um Fórum sobre energia – com a intenção de expor ao prefeito uma “estratégia de mobilização impactante”, segundo os vereadores. Além disso, pretendiam definir uma pauta para o movimento que se propõe em levar ao governador Sérgio Cabral (PMDB) e à Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro as reivindicações do município no que tange à segurança pública.

Entretanto, ao chegarem no local, o prefeito já estava a caminho de Cabo Frio para cumprir um compromisso com a mídia. Pelo telefone, Riverton se comprometeu com Eduardo Cardoso em receber os vereadores hoje, às 11h, no gabinete do paço municipal. Ao encontrarem na saída do evento o secretário Chistino Áureo, o grupo apresentou a ele suas expectativa.

O secretário afirmou ter tomado conhecimento do material, proveniente de um estudo da Secretaria Nacional de Segurança, que deu origem às matérias que foram ontem divulgadas pela mídia. Chistino Áureo informou que, em reunião na manhã de ontem com o governador, apresentou a ele os dados referentes à Macaé. “Considero que essa estatística não será revertida apenas com o aumento de efetivo policial. Apóio à mobilização da Câmara de Vereadores e me coloco a disposição para vir ao município na data em que julgarem importante minha presença”, declarou.

A vereadora, Marilena Garcia, que sugeriu o imediato contato com o prefeito e que coordena o projeto “Câmara em Ação”, que no ano passado percorreu praças e quadras esportivas, ratificou que com a adesão dos vereadores que quiserem integrá-lo, o projeto pretende seguir em caravana para o Rio de Janeiro, com o objetivo de promover uma ação parlamentar mais objetiva e de provocar respostas mais efetivas do poder público.

Ela comunicou também que o “Câmara em Ação” não dará início às visitações às estações de tratamento de esgoto na quinta-feira, dia 8, Dia Internacional da Mulher, como previsto. Isto porque o grupo pretende dedicar as ações do mês de março às mulheres, ficando, desta forma, adiadas as visitas para abril. Dia 8, haverá comemoração com uma sessão solene no plenário, na qual cada vereador indicará uma homenageada.

Maxwell Vaz informou que o municipal do Conselho Comunitário de Segurança, que se reunirá hoje discutira algumas propostas. O conselho envia diariamente ao Instituto e a Secretaria de segurança Pública, e também para Polícia Militar e para Chefatura de Polícia todas as matérias relativas à criminalidade publicadas nos jornais.

Clique aqui e veja os vereadores inscritos no grande expediente.

Deixe uma resposta