Plano de saúde para o servidor



Após a explanação do prefeito, Riverton Mussi (PMDB), na primeira ses

Após a explanação do prefeito, Riverton Mussi (PMDB), na primeira sessão do período Legislativo de 2008, dia 15, os vereadores se inscreveram e fizeram considerações sobre o discurso do prefeito.

Pouco antes de passar a palavra aos parlamentares, Eduardo Cardoso (PPS), o presidente da Casa, destacou que a atual gestão tem avançado bastante no aspecto social: “nunca vi um governo com tanta atividade social quanto esse aqui”, pontuou.

Riverton acabara de anunciar que, a partir de 2008, haverá plano de saúde e odontológico para todo servidor público de Macaé. A respeito disto, sem desvalorizar a iniciativa, o presidente da Câmara, que também é médico, comentou: “o setor público de saúde oferece ótimos serviços para toda a população de Macaé”.

Eduardo Cardoso (PPS) comparou o número de nutricionistas de um determinado hospital particular, em Macaé, com o número de nutricionistas do HPM – Hospital Público de Macaé. Enquanto o hospital particular conta com duas nutricionistas, o HPM opera com 13. Apesar da proporção de usuários de cada um dos hospitais, ele concluiu que, utilizando suas próprias palavras, “o setor público atende quase como o particular”.

O vereador, Pedro Reis (PSDB), também concordou com o que o presidente falou a respeito dos planos de Saúde: “o serviço de saúde pública de Macaé muitas vezes oferece eficiência tal qual a do atendimento particular”, complementou.

Deixe uma resposta