Prefeito admite erro no envio de PL sobre a previdência municipal



 <span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">O PL altera a constituição do Conselho de Investimento e Desinvestimento do Instituto de Previdência Social do Município.</span>

O prefeito Aluízio dos Santos Júnior (PMDB) admitiu ter errado no envio do Projeto de Lei (PL) que altera a constituição do Conselho de Investimento e Desinvestimento do Instituto de Previdência Social do Município (MacaePrev). O anúncio foi feito na sessão ordinária desta terça-feira (20), na Câmara Municipal de Macaé.
 

O projeto, encaminhado à Casa na semana passada (clique aqui para ler a matéria), previa seis cargos para o conselho, todos indicados pelo Executivo. “A redação do PL foi infeliz e quero parabenizar a Câmara por ter apresentado o substitutivo. Erro sanado”, afirmou o prefeito.
 

O substitutivo, que deve ser votado nesta quarta-feira (21), foi elaborado pela Comissão Parlamentar de Constituição, Justiça, Redação e Garantias Fundamentais (CCJ), em conjunto com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Macaé (Sindserv) e a presidência da MacaePrev. Na nova proposta, o Executivo indica dois membros, o Legislativo, outros dois, e o Sindserv, quatro – somando ao todo oito integrantes.

 

Renúncia a salário
 

Durante a fala do prefeito, pessoas da plateia se viraram de costas e a presidente do Sindiserv, Rose Mary Gomes, tentou interromper o discurso, pedindo o mesmo espaço aos servidores. Neste momento, o presidente Eduardo Cardoso (PPS) interveio e pediu a ajuda dos seguranças para conter os manifestantes e permitir que Aluízio finalizasse o seu discurso. Por fim, o chefe do Executivo disse que, para contribuir com soluções para a crise, abria mão de seu salário e convidou o vice-prefeito, Danilo Funke, e os vereadores a fazerem o mesmo.
 

O pronunciamento do prefeito antecedeu à participação do presidente da MacaePrev, Rodolfo Tanus Madeira, que compareceu à sessão para expor a atual situação do Instituto (Clique aqui para ler a matéria).
 

Jornalista: Marcello Riella Benites

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support