Programa Sênior é aprovado por unanimidade



O Programa de Guarda Sênior de autoria do poder executivo, foi aprovada por unanimidade on O Programa de Guarda Sênior de autoria do poder executivo, foi aprovada por unanimidade ontem (12/09) na sessão solene da Câmara, incluindo as duas emendas do vereador Maxwell Vaz, que suprimiu o parágrafo que limitava a idade do idoso para ingressar no programa. Com o plenário lotado, em sua maioria por idosos, Maxwell explicou a todos os presentes o motivo que os levou a definir esta questão, deixando claro que em nenhum momento houve retaliação de ninguém daquela Casa em não aprovar o programa e sim fazer uma adequação que viesse a assegurar a validade do Programa: “ As duas emendas anexadas ao projeto de lei de autoria do Prefeito Riverton Mussi, foi baseada no Estatuto do idoso e que esta Câmara está sempre pronta para atender aos anseios da sociedade e principalmente das que fazem parte do grupo da Melhor idade. A Comissão Permanente discutiu e elaborou essas emendas, porque entendeu que se aprovada anteriormente estaria cometendo uma discriminação.” O vereador Luiz Fernando após saudar os idosos presentes, ressaltou: “Foi colocado que esta Casa estava contra vocês. Queria esclarecer que foi pedido que votássemos o projeto de lei mais rápido possível, mas ao lermos o projeto original, entendemos que este feria o Estatuto do idoso e daquela maneira vocês não poderiam participar do Programa. Logo, deixamos claro que com esta atitude em nenhum momento tentamos prejudicá-los, muito pelo contrário”. Reiterando o que os demais colegas declararam, o vereador Carlos Emir Mussi Júnior felicitou os idosos e ressaltou que como cardiologista este projeto só traz benefícios para o coração de todos e acrescentou: “60 anos é o começo de uma vida. Nada melhor que o trabalho para a melhoria de vida das pessoas e principalmente de vocês.” Explicando o porquê da demora da votação, o vereador Jorge de Jesus disse: “Muito de vocês não acreditavam que iríamos votar este projeto a favor de vocês. Somos vereadores, temos responsabilidade. O único objetivo nosso é de ver vocês felizes.” Esta matéria é inquestionável, diz o vereador e médico, o tucano Pedro Reis. “O trabalho dignifica o homem e esta Câmara está aqui é para se fazer justiça e esta deve ser bem elaborada. Tudo que fizermos pelo idoso é muito pouco. Quero ter uma Macaé voltada para o idoso.” Muito descontraído, o vereador João Sérgio declarou que não gosta dessa separação de velho, jovem, pois a idade está na cabeça de cada um. Parabenizou a iniciativa do prefeito e da conquista do programa que beneficia a todos da Melhor idade, sem restrição. Ponderando o questionamento feito anterior as emendas, a vereadora Maria Helena disse que tinha certeza do bom senso de seus colegas e da aprovação do projeto. “Nasce uma nova esperança para todos que fazemos parte deste grupo”,concluiu. O presidente e vereador, Eduardo Cardoso lembrou que este era um programa do governo Riverton Mussi para defender a 3ª idade e sem intenção eleitoreira. “Parabenizo a todos vocês que não acreditaram naqueles que não confiam em nosso trabalho.” O representante do governo na Câmara, o vereador Paulo Antunes reafirmou as palavras do presidente, acrescentando que foi muito doloroso ver os idosos naquela agonia, indo e vindo às sessões, chegando a pensar que não ajudaríamos. Finalizou dizendo: “Esta lei é do Governo Riverton e que será reeleito com certeza.”

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support