Propaganda irregular: vereadores cobram maior fiscalização



Requerimentos foram aprovados por unimidade

 

A propaganda em postes, pontos de ônibus e placas de sinalização, além de irregular, polui espaços públicos. Para coibir a prática, a Câmara Municipal de Macaé aprovou, por unanimidade, um requerimento do vereador Maxwell Vaz (SDD) que pede à prefeitura providências com o intuito de identificar e aplicar punições a pessoas e empresas infratoras. A votação aconteceu na sessão desta terça-feira (29).

 

A proposta também inclui solicitação para que o governo amplie ações de limpeza e retirada de cartazes e materiais publicitários afixados indevidamente. “Quem coloca propaganda irregular em espaços públicos deixa endereço e número de telefone. É preciso que os infratores sejam localizados e multados de acordo com a lei”, acrescentou Maxwell.

 

Segundo Paulo Antunes (PMDB), a Secretaria de Mobilidade Urbana vem aplicando multas para coibir propaganda irregular. “Diversos pontos de ônibus que eram limpos em um dia já estavam cheios de cartazes pouco tempo depois. É preciso aumentar a fiscalização”, acrescentou.

 

Parlamentares defendem canalização de área próxima ao shopping

 

Para aumentar a segurança de motoristas e pessoas que passam pela Avenida Aluizio da Silva Gomes, entre o shopping Plaza Macaé e a Cidade Universitária, Maxwell também apresentou um requerimento que pede ao governo que canalize o canal que corta a via, com objetivo de estabelecer uma área de recuo para ônibus e táxis.

 

“O fluxo de pessoas no local é cada vez maior e não há área segura para que as pessoas possam estacionar, e para que o embarque e desembarque de passageiros sejam feitos com segurança. O trecho é pequeno e a prefeitura tem total condição de realizar a obra”, defendeu. A proposta também foi aprovada por unanimidade.

 

 

 

Jornalista: Júnior Barbosa

 

Deixe uma resposta