Reformas nas RJs 162 e 168 podem começar a partir de 2008



O vereador e vice-presidente da Câmara, George Jardim (PMDB), disse recentemente que

O vereador e vice-presidente da Câmara, George Jardim (PMDB), disse recentemente que está aguardando uma posição do governador Sérgio Cabral Filho (PMDB), sobre a definição das obras nas rodovias estaduais RJ-162 e RJ-168. O Legislativo macaense reivindica que seja reformado o trecho da RJ-162 que vai de Rio Dourado à Ponte do Baião. “Neste trecho o trabalho a ser feito é um serviço corriqueiro de terraplanagem para o asfaltamento”, disse George.

O vereador continuou dizendo que "além disto, queremos a reforma do trecho que liga a BR-101 com o distrito de Glicério e melhorias nas condições de uso da estrada que liga, por sua vez, as RJs 162 e 168, entre si”.

Outra demanda das autoridades é pela construção de uma ciclovia na região serrana do município. “O objetivo é fazer um levantamento para estabelecer, antes de tudo, o melhor local para implantar esta ciclovia”, informou George – apontando a viabilização da ciclovia no acostamento como uma das melhores sugestões até o momento.

“A ciclovia deve ligar Córrego do Ouro a Glicério, com extensão de oito quilômetros. Queremos que esta ciclovia passe pelo Trapiche e chegue até Glicério”, contou.

O vereador defendeu a implantação da ciclovia como uma solução para o intenso movimento de ciclistas e pessoas que caminham à beira da estrada, de tal forma que colocam em risco suas vidas diariamente. “Pretendemos aumentar a segurança das pessoas com a ciclovia”, afirmou o vice-presidente.

A despesa prevista com as obras deverá ser incluída no orçamento de 2008 do governo do estado, depois de passar pela aprovação do Tribunal de Contas do Estado (TCE). O projeto vem sendo elaborado desde 2006, com apoio e intermédio do deputado estadual, Christino Áureo (PMN), e do secretário especial de Governo, André Braga.

Deixe uma resposta