Secretário de Segurança visita Macaé



O vice-prefeito Carlos Augusto, em exercício por motivo de viagem do prefeito River

O vice-prefeito Carlos Augusto, em exercício por motivo de viagem do prefeito Riverton Mussi, recebeu no gabinete, às 12h, o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame que estava acompanhado pelo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ubiratan de Oliveira Angelo
e pelo chefe de Polícia Civil, Gilberto da Cruz Ribeiro. Após a reunião o secretário anunciou o acréscimo imediato de 30 policiais militares ao efetivo local e que o convênio para instalação da Delegacia Legal deverá ser firmado na próxima semana.

O vereador Jorge de Jesus (PRB) considerou a visita do secretário o primeiro passo para a reversão do quadro de violência no município e considerou importante a reivindicação de melhores condições de trabalho para a polícias Civil e Militar. “As viaturas da PM estão sucateadas e a Civil tem apenas um carro. É preciso também criar estratégias para que os policiais criem  vínculos afetivos com Macaé”, ressaltou.

O secretário disse também que medidas para melhorias no Instituto Médico Legal de Macaé serão definidas prioritariamente, além de outras ações que não podem ser reveladas por motivos estratégicos. Ele descartou a presença do exército e da Foça Nacional, no momento, e disse que os municípios têm que buscar suas próprias soluções, com o auxílio da Secretaria de Estado. “Estamos trabalhando dioturnamente a fim de minimizar o problema”, declarou.

O coronel Ubiratan disse que o novo efetivo atuará no policiamento comunitário e em ônibus e que ficou acordado um trabalho integrado, quanto ao policiamento ostensivo, com a Guarda Municipal de Macaé. A Policia Militar ofereceu ao município um treinamento em conjunto. Ele comentou sobre as três prisões de policiais militares, sendo uma ontem, do oficial, tenente Lima, e outra na manhã de hoje, do PM Mello, envolvidos com a criminalidade no município.

As prisões foram decorrentes da Operação Morfeu que constitui investigações das polícias Federal e Estadual e do Ministério Público Estadual.  “ Policiais em desvio de conduta é para nós motivo de grande tristeza. Gostaria de parabenizar o brilhante trabalho de investigação da Polícia Federal”, disse.

O comandante do 32o Batalhão da Polícia Militar de Macaé, tenente-coronel Rosano Augusto Souza, disse que um cinturão de policiamento integrado da Polícia Militar está sendo montado para reprimir a criminalidade. Alguns dos participantes da reunião foram ao IML de Macaé para uma vistoria. Estavam presentes: o coronel do 3º Comando de Policiamento do Interior, José Alberto Marques, que supervisiona quatro batalhões locais, o delegado da 123º
Delegacia de Polícia de Macaé, Daniel Gomes, entre outros delegados regionais, o comandante da Guarda Municipal, Antônio Franco, o presidente da Mactran, Lúcio Aracati, o comandante da Defesa Civil, Erick Shuller, o delegado de Polícia Federal, Eduardo Fontes e o coronel do Corpo de Bombeiros, Renato Caldas, além de representantes da sociedade civil organizada. O secretário de Estado, Christino Áureo, foi representado por seu assessor Gilberto Áureo.

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support