Sessão solene comemora 25 anos da UFRJ em Macaé

A cerimônia está prevista para o dia 5 de junho, às 18h30, na sede do Legislativo

Foi aprovada na sessão desta quarta-feira (8), na Câmara Municipal de Macaé, a realização de uma sessão solene para comemorar os 25 anos do Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade (Nupem) da UFRJ. De acordo com o vereador Marcel Silvano (PT), autor da proposta, o Nupem foi a primeira unidade da UFRJ na cidade e há mais de duas décadas contribui com inúmeras pesquisas e serviços em favor da biodiversidade local.

Para o petista, este é um momento propício para fortalecer as universidades e celebrar o seu processo de interiorização. “Em um contexto de ataques ao livre pensamento e à autonomia das universidades, nada melhor do que reconhecermos os serviços prestados pela UFRJ. São 11 cursos de graduação, três de pós-graduação, 3 mil alunos e 400 servidores no município”, informou Silvano.

O parlamentar Luciano Diniz (MDB) lembrou algumas grandes conquistas desse período para o município. “Temos muito a comemorar. Em 2008, tivemos a inauguração do complexo universitário e a fixação também da UFF no espaço. A partir daí novos cursos de graduação e pós-graduação passaram a ser oferecidos gratuitamente e, em 2009, foi implantado o curso de Medicina da UFRJ”.


Críticas a cortes de verbas

Diniz ainda lembrou o professor Francisco Esteves, do Nupem-Macaé, como um dos expoentes do ensino e da pesquisa sobre a biodiversidade e o Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba. Já o presidente Eduardo Cardoso (PPS), que participou do processo de implantação do curso de medicina, lamentou que atualmente as universidades sejam alvo de críticas e cortes orçamentários por defenderem e ensinarem as pessoas a pensarem de forma crítica e livre.


Projetos em favor das universidades

Os vereadores informaram que até o dia 5 de junho (data da sessão solene), pretendem votar dois projetos importantes, o que regulamenta a preceptoria e o que pretende destinar 2% dos recursos dos royalties para o ensino e a pesquisa científica.

 

Jornalista: Adriana Corrêa

Deixe uma resposta

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support