Sessão Solene de lançamento do relatório da Comissão da Verdade



 <span style="font-family: arial, helvetica, sans-serif; font-size: 14px; text-align: justify;">O ato foi solicitado pelos vereadores Marcel Silvano (PT) e Luciano Diniz (PMDB), parlamentares que fazem parte da comissão.</span>

Nesta sexta-feira (17), a partir das 19h, a Câmara de Macaé realizará uma sessão solene para a apresentação do relatório da Comissão Municipal da Verdade, que busca dar visibilidade aos casos de tortura, abusos de autoridade e perseguições ocorridas durante a Ditadura Militar. O ato foi solicitado pelos vereadores Marcel Silvano (PT) e Luciano Diniz (PMDB), parlamentares que fazem parte da comissão.
 

“Foram três anos de muito trabalho e parceria com órgãos municipais. A sessão também será marcada pelo lançamento de um livro com todas as informações obtidas pela comissão, além de ser a primeira obra produzida e publicada pelo Legislativo macaense”, disse Luciano Diniz.
 

Em 2014, uma sessão simbólica foi realizada com o objetivo de empossar os vereadores que foram cassados em abril de 1964, ano do início do golpe militar. “Lembro quando o exército transformou o prédio do Clube Ypiranga em presídio e os que eram contra o regime militar ficaram presos lá. Além dos vereadores da época, muitos professores, estudantes e militantes foram perseguidos”, relatou o presidente Eduardo Cardoso (PPS).
 

“O empenho desta Casa em resgatar a história é fundamental para que o que aconteceu não aconteça novamente. Precisamos estar em alerta, principalmente diante de um atual governo, a meu ver, ilegítimo e dos recentes casos de abusos de autoridade praticados por parte do Judiciário”, frisou Marcel.

 

Jornalista: Júnior Barbosa

Deixe uma resposta