Vereadores denunciam problemas na iluminação pública

Segundo o parlamentar, os diversos pontos escuros espalhados pela cidade aumentam a insegurança e os riscos de assaltos.

Durante a sessão da Câmara Municipal de Macaé desta quarta-feira (13), novas denúncias sobre a falta de iluminação pública foram apresentadas pelos vereadores. Os debates partiram de um requerimento de Maxwell Vaz (SD), aprovado por unanimidade, que pede ao Executivo informações sobre a empresa que presta o serviço. Segundo os parlamentares, os diversos pontos escuros espalhados pela cidade aumentam a insegurança e os riscos de assaltos.

Maxwell afirmou que há um grande número de postes apagados em vias de alta movimentação de motoristas e pedestres, como na Linha Azul, na Linha Verde e na Avenida Evaldo Costa. “Precisamos de informações concretas da Coordenadoria de Iluminação para saber o motivo desse problema persistir, até porque está claro que a empresa responsável vem descumprindo as obrigações do edital licitatório.”

Em seguida, Marcel Silvano (PT) alertou para problemas similares na Praia Campista e no Parque da Cidade, além da falta de iluminação no entorno da Cidade Universitária. “Não é a primeira vez que cobramos uma posição da prefeitura. Os casos de assaltos e de carros arrombados estão preocupando os estudantes”, disse o petista.

A violência também assusta os comerciantes do calçadão, no Centro. De acordo com Robson Oliveira (PSDB), em apenas uma semana, cinco estabelecimentos foram assaltados. “Estamos em um momento de crise e situações como essa dificultam ainda mais a vida de quem movimenta a nossa economia”, defendeu.

Por fim, Luiz Fernando (PTC) também reforçou as cobranças, mas disse não ver interesse do governo municipal em melhorar a iluminação pública. “O que falta, de verdade, é gestão.”

Jornalista: Júnior Barbosa

Deixe uma resposta