Vereadores aprovam normas de conduta nas dependências da Câmara



Aprovado o Projeto de Resolução 09/2014, que estabelece normas para os frequentadores da Câmara Municipal de Macaé.

Visando ordenar a utilização do espaço público e receber melhor a população macaense, foi aprovado, nesta terça-feira (4), o Projeto de Resolução 09/2014, proposto pela Mesa Diretora, que estabelece normas para os frequentadores da Câmara Municipal de Macaé.

As novas regras devem ser respeitadas não apenas pelos cidadãos e visitantes, mas também pelos servidores, assessores e parlamentares. A partir das alterações incluídas no Regimento Interno da Casa, os frequentadores deverão:
 

  • ■ Apresentar-se convenientemente trajados, sendo vedado o uso de bermuda e chinelo;
  • ■ Conservar-se em silêncio, não manifestando apoio ou desaprovação de forma desrespeitosa, desordeira ou barulhenta ao que se passa em plenário. Contudo, é assegurado o direito à manifestação silenciosa, coletiva ou individual;
  • ■ Não portar armas, salvo os policiais civis, militares e federais em serviço relacionado à determinada atividade da Câmara Municipal de Macaé;
  • ■ Não utilizar máscara, boné, chapéu, capacete, gorro ou qualquer outro objeto que atrapalhe a identificação;
  • ■ Não falar ao telefone celular dentro do plenário durante a realização das sessões legislativas, audiências públicas ou qualquer outro evento;
  • ■ Não afixar faixas ou propagandas de caráter político-partidário, ideológico ou religioso, bem como de cunho promocional de pessoas ou entidades de qualquer natureza, salvo mediante autorização prévia da Presidência;
  • ■ Não fumar;
  • ■ Não portar copos, garrafas e objetos cortantes dentro do plenário;
  • ■ Não sentar no corredor ou obstruir as saídas;
  • ■ Não comer ou beber no plenário;
  • ■ Não distribuir panfletos ou propagandas;
  • ■ Não ingressar com animais, exceto cães-guia acompanhantes de indivíduos com deficiência visual;
     

Aqueles que se comportarem de forma inconveniente ou perturbar a ordem serão compelidos a sair. Objetos colocados, deixados ou furtados nas dependências da instituição, não são de responsabilidade da Câmara. Os casos omissos e excepcionais serão decididos pela Presidência do Legislativo.

Jornalista: Adriana Corrêa


Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Macaé pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support